Lyrics55Ultimate lyrics source




Other songs from Timotê etchecopar

Muito mais

Timotê etchecopar /

Muito mais

A cena é tensa! Bem mais do que se pensa
a morte nos alcança mesmo a missão sendo extensa
A fome no olhar que passeia na vitrine
sustenta a coragem incentiva o primeiro crime
Aos 12 uma carteira, aos 15 uma bombeta
18 o que compra o estoque da loja inteira
Aos 20 o seu corpo nos jornais e na valeta
mais um que é perdedor nas apostas da roleta

E o robocop da policia segue na captura
trairagem e malicia dominam a viatura
Giroflex ligado assina a presença
o circo ta armado situação é propensa
Marionetes em cena, sempre o mesmo cartaz
sobrevivência da especie do que mata mais
Conecte na internet permaneça trancado
ao mundo ilusório com a realidade ao lado

2x Refrão
Tem muito mais do que nós queremos ver eu sei!
Tem muito mais do que querem nos dizer mas sei!
Que eu vou atras to na luta pra vencer e é lei
deixei pra trás qualquer chance de perder vai ver

A resistência armada caminha pelas ruas
ecoa nas calçadas o som da violência crua
São balas de borracha junto a bombas de gaz
a massa só se abaixa pra se erguer mais voraz
A mídia nos esconde acalmando a multidão
no rap a corrente que trafega a informação
Os becos amplificam os cantos de resistência
nas redes compartilham registros da ocorrência
Imagens fortificam opiniões combatentes
cenas que retificam falsos ecos recorrentes
zumbis da madrugada cachimbos pelos cantos
assim tragando a morte abafando os seus prantos
Tragados pela teia perigosos encantos
pulsando em sua veia medo, fissura e espanto
Padrões de estatística definem nosso povo
modifica a logística buscando algo novo

2xrefrao

Genocídio presente disfarçado
embalagem reluzente mulher cheia de volúpia
A minha visão deflagra espíritos perdidos
almas escarnecidas em seus ritos proibidos
Vejo corpos no chão ao andar na vizinhança
com amuletos eu caminho por onde demonicos dançam
Nas esquinas absorvem morte em fumaça ou vapor
acreditam que com sorte isso faz passar a dor
Por conexões sem fio, cruzo olhares vazios
sorrisos não tem brilho corpos tremem sem ter frio
Quando canto eu levito faz extremamente bem
subo leve eu evito o mal que externamente vem
Valorize e glorifique o bem que internamente tem
edifique e fortifique o templo que a alma mantem



Report broken lyrics
Name: E-Mail:
Artist: Title:

Submit Lyrics
Name: E-Mail:

Send message